Home › Tags › Sistema ocular

O que é refração? O que é lente?

A refração acontece quando a luz atinge uma superfície e atravessa essa superfície.

Quando usamos óculos a luz atinge a lente dos óculos e passa por ela, chegando até o cristalino, e atravessa o cristalino até chegar à nossa retina. A luz passou de um meio para o outro.

Formação da imagem no olho humano

www.fotoselentes.blogspot.com.br

Veja: a luz refletida por um objeto, uma árvore por exemplo, caminha pelo ar até chegar à lente dos óculos. Ela atravessa a lente dos óculos e caminha mais um pouco pelo ar até atingir o a córnea e o cristalino do olho. Atravessa o cristalino, e o humor vítreo e vai chegar até a retina, onde a imagem é projetada e será interpretada pelo cérebro. (Nós já vimos como se forma a imagem no olho humano… Para relembrar, acesse: http://professorhonda.blog.br/2014/03/07/como-se-forma-a-imagem-no-olho/#more-280 )

A luz refletida pelo objeto atravessou diversos meios até chegar à retina. Cada um desses meios é diferente do outro na sua composição e densidade. Cada um dos meios oferece uma condição diferente para a passagem da luz…

 

Para ilustrar esse fato, vou utilizar aqui um exemplo bem grosseiro, ok? Se nós tivermos um aquário com uma camada de cascalho no fundo, coberto por uma cama de areia, coberta por uma camada de água e introduzirmos um lápis para atravessar todas as camadas… Cada uma das camadas vai oferecer um tipo de resistência à passagem do lápis, não é?

Então, vamos voltar à óptica… A luz, que nada mais é do uma onda eletromagnética, vai atravessar diversos meios diferentes, que irão cada qual à sua maneira, alterar a velocidade com que a onda os atravessa. Essa alteração na velocidade vai causar um desvio na trajetória dessa onda. A direção da luz será alterada… Isso é refração. E é por esse motivo que quando estamos pescando com um arpão nós não podemos lançar o arpão na direção onde vemos o objeto. Como a luz foi desviada, o objeto está, na verdade, numa posição diferente da que enxergamos, como mostra a imagem abaixo.

Refração da luz na atravessando o meio água / ar. A refração aproxima a imagem da superfície da água, mas o objeto permanece no fundo.

Os elementos que compõe os olhos são todos “equilibrados” para fornecer uma visão nítida do objeto que estamos mirando. As curvaturas desses elementos e suas densidades naturalmente se compensam para a formação da imagem na retina, apesar de ser invertida – o que será interpretado pelo cérebro.

Em alguns casos, como já vimos nos textos anteriores, algumas pequenas diferenças podem comprometer a formação da imagem e esses problemas poderão ser compensados utilizando-se lentes corretivas. (ver ametropias).

 

A lente é um novo meio que será introduzido na trajetória da luz e causará refração, alterando sua trajetória e a forma como a luz incide nos nossos olhos, corrigindo distorções causadas por algum tipo de ametropia.

Atenção aqui: o objeto (no nosso exemplo, a árvore) ainda está no mesmo lugar, nossos olhos estão no mesmo lugar. O que está sendo alterado aqui é a trajetória do raio de luz, para que esse novo “desvio” possa compensar o grau de incidência da luz em nossos olhos, certo?

hipermetropia: correção e formação de imagem utilizando lentes positivas

 

O QUE É LENTE?

Lente é um elemento que atua por refração, introduzindo descontinuidades no meio em que a luz se propaga inicialmente, e que reconfigura a distribuição da energia transmitida, independente da frequência da luz, isto é, tanto no ultravioleta como no domínio óptico, infravermelho, micro-ondas, ondas, rádio ou mesmo ondas acústicas. A forma da lente irá depender do tipo de reformatação da onda luminosa que se deseja.

Diversos tipos de lentes. A forma da lente irá depender do tipo de reformatação da onda luminosa que se deseja.

Lentes são feitas de material transparente, com o seu Índice de Refração conhecido, que possui duas superfícies trabalhadas e polidas, com vergência ou Dioptria (“Grau”) e que serve para correção, proteção, segurança, filtrante, estético, etc. Quanto ao seu uso ou mesmo emprego, as lentes podem ser usadas tanto em Óptica Oftálmica, que é o nosso caso, ou em Óptica mecânica ou instrumental.

O que é Ceratocone?

ceratocone é um problema que ocorre diretamente na córnea.

 

Comparação entre córnea com ceratocone e córnea normal

 

No ceratocone, as curvas da córnea começam a se acentuar formando uma ponta como um cone, daí o nome. Nesses casos o acompanhamento médico é fundamental. Em casos de ceratocone o profissional de Contatologia (lentes de contato) tem um papel fundamental, pois certos graus de ceratocone só podem ser corrigidos com lentes de contato. A lente de contato “ajuda” a evitar o avanço do cone, se por acaso for feito um óculos, a córnea continuará livre e poderá acelerar o avanço do cone. O diagnóstico bem como as orientações para o uso de lentes de contato ou óculos deve ser feita por um profissional especializado

 

 

Como se forma a imagem no olho?

Já falei aqui um pouco sobre as partes de sistema visual, da importância da visão e do cuidado com os olhos e já até postei um vídeo que explica a funcionamento da visão.
Meus próximos temas serão explicar os problemas de visão, as chamadas ametropias. Mas para isso é importante introduzir primeiro uma outra discussão: a formação da imagem dentro do olho. Se as ametropias acontecem porque as imagens não se formam de maneira adequada, prejudicando nosso entendimento, então precisamos entender como seria a visão normal, certo?

Como se forma a imagem no olho humano?

Assim como outros diversos dispositivos ópticos (dispositivos inventados pelo homem) o olho humano possui uma abertura que permite a passagem da luz, uma lente e um anteparo, onde a imagem é formada.

Formação da imagem no olho humano

www.fotoselentes.blogspot.com.br

O olho humano é constituído por uma lente biconvexa, chamada cristalino, que fica situada na região que antecede o globo ocular. No fundo do globo ocular está a retina, que é sensível à luz e serve de anteparo para as imagens. As sensações luminosas Continue reading »

SISTEMA VISUAL

Vamos explicar aqui, resumidamente, as partes que compõe o sistema visual: o olho (Globo Ocular), o nervo óptico e seu quiasma e o cérebro.

Sistema visual: globo ocular, nervo óptico, quiasma óptico e cérebro

Primeiramente começamos com o “Globo Ocular” ou simplesmente olho. Suas partes executam uma função importantíssima no processo todo: ele é o responsável pela captação ou recepção da luz. Uma vez que a luz adentra o olho e atinge o fundo (nessa etapa o olho trabalha com o chamado “Estímulo Luminoso”), as células especializadas da retina transformam os estímulos luminosos em estímulos elétricos, que são enviados através do nervo óptico.

A retina é um tecido que recobre quase dois terços da parte interna do olho. Continue reading »