HomeMercado de óptica › Lentes: Tratamento das lentes contra raios UV

Lentes: Tratamento das lentes contra raios UV

Fabricação de lentes é uma coisa séria!

Com o avanço da tecnologia, muitas descobertas foram feitas no sentido de melhorar a saúde das pessoas. A fabricação de lentes (corretivas ou sem grau) não fica atrás. Todo fabricante de lentes que esteja preocupado com a saúde dos usuários oferecem tratamento contra raios Ultra Violeta já incorporado às lentes.

Vou explicar melhor:

Um olho exposto à luz do sol recebe toda gama de raios, os visíveis e os não visíveis, com o passar do tempo esses raios, inclusive e principalmente os UV´s causam danos que não percebemos.

A camada de ozônio na atmosfera terrestre funciona como um enorme filtro de luz e isso é importantíssimo para a vida na terra. Na década de 70 os cientistas começaram a notar que essa camada estava deteriorando;  as causas são muito conhecidas e divulgadas pelos jornais e informativos pelo mundo: poluição, gás freon das geladeiras, ar condicionados e sprays, queimadas, etc.

Proteção dos olhos aos ultra violeta (UV)

Mas o que é a radiação ultra Violeta?

Pesquisando na internet (o meio mais democrático e rápido de pesquisa na atualidade) temos muitas informações sobre isso, vamos resumir um pouco essas informações OK.

“UV” vem da abreviação de RADIAÇÃO ULTRAVIOLETA ou simplesmente RAIOS ULTRAVIOLETAS. A luz UV tem comprimento de onda menor que a da luz visível ao homem, isso significa que o UV tem comprimento de ondas entre 1 nm até 380 nm (essas medidas são aproximadas, nas pesquisas não encontrei uma medida única, outras informações citam que o UVA está entre 315 a 410 nm, o UVB está entre 270 a 330 e o UVC está abaixo de 270 nm). O significado da palavra “Ultravioleta” vem de: Ultra = mais alta que… e violeta (a cor) que é a primeira cor que o olho humano percebe ou seja ela está além do violeta visível por nós, mas isso não significa que não seja danoso, bem pelo contrário nos prejudica muito, exemplos de danos causados ao nosso corpo: câncer de pele, envelhecimento precoce das células, aceleração do processo de surgimento da catarata, etc.

Esses danos a saúde do homem fizeram que o raio Ultravioleta fosse classificado em três categorias: o UVA (315 à 410 nm) danifica as partes mais profundas do olho, o UVB (270 à 330nm) danifica as partes mais superficiais do olho e o UVC (abaixo de 270nm) na sua maioria barrado pela camada de ozônio na nossa atmosfera. As fábricas ou fornecedores de lentes normalmente informam qual é a proteção que cada lente possui, dependendo do material da lente, suas características e outros fatores, a proteção varia de produto para produto, se informe com as empresas sobre isso então.

Uma pessoa que usa óculos, mesmo que tenha lente plana, sem dioptria (grau), e usar lente de boa qualidade com proteção UV, estará protegendo os olhos desses raios e deixará que o olho tenha o envelhecimento normal, sem acelerar pelo processo de exposição aos raios UV, OK.

Este, então, é um argumento que deve ser bem estudado e usado na venda, e pelos vendedores ópticos, esclarecendo e educando os usuários de óculos.

Raios ultra violeta - proteção dos olhos

Ilustração: Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC/INPE)

Quanto aos danos dos raios UV consulte ainda o Site do “Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais” (www.inpe.br sem o .com) e entre na opção “tempo e clima” no link para “CPTEC”, nesta página você terá todas as informações sobre a condição climática e de danos do UV na sua cidade é só fazer a pesquisa.

Deixe seu comentário

NOTA: Você pode utilizar essas tags e atributos HTML.
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>