HomeEstudando óptica com o Prof. HondaÓptica e Luz › Sobre a luz e a óptica

Sobre a luz e a óptica

Damos aqui início à nossa série ESTUDANDO COM O PROFESSOR HONDA. Semanalmente  publicarei posts explicando os conceitos envolvidos no dia-a-dia de quem trabalha com óptica. Serão textos simples e fáceis para permitir que mesmo os leigos possam entender um pouco melhor sobre os problemas de visão, ok?

Vamos lá…

A visão

A visão é um dos 5 sentidos que nos permitem aprimorar  nossa percepção do mundo.

Através dos olhos nós captamos as imagens que nos cercam e as enviamos ao nosso cérebro, onde as informações são analisadas e processadas. Juntamente com as informações provenientes dos demais sentidos (audição, olfato, paladar e tato), nós interagimos com o mundo, construímos lembranças, percebemos o que está ao nosso redor.

Vamos voltar um pouco no tempo…

desenho evolução do homem

Na pré-história o homem vivia em cavernas. Imagine como deveria ser o cair da noite nesse tempo… Os homens, que já faziam uso de várias ferramentas – por mais rudimentares que fossem – acordavam e saíam para a caça. Utilizando seus sentidos localizavam animais para serem abatidos, sentiam seu cheiro, viam sua imagem; o dia estava claro e a luz do sol permitia o uso da visão.

Quando caía a noite e o sol já havia se escondido, eles já não tinham mais como ver os animais que os ameaçavam e os homens voltavam para suas cavernas para se abrigar.

Imagine agora o que significou a descoberta do fogo, que não servia para cozinhar, mas também para afastar animais que os ameaçavam e para permitir a visão noturna.

Não é assim até hoje? Quando estamos em casa à noite e o fornecimento de energia é interrompido, não acendemos velas? Fogo?

O olho é responsável pela captação da luz - fontes de luz natural

Pois é, amigo, durante muito tempo foi o fogo nos permitiu ver à noite(velas, lampiões, lamparinas).  Hoje existem ainda outras várias formas de obtermos luz artificial e a energia elétrica aliada à lâmpada é a principal delas.

Muito bem… Então para ver nós precisamos de luz, seja ela natural (Sol, fogo) ou artificial (lâmpadas) e o olho é o órgão do nosso corpo responsável por captar a luz e enviar as informações para nosso cérebro.

SISTEMA VISUAL

Existe uma pergunta que sempre devemos ter em mente: “Como é que eu vejo…..?”. Essa pergunta pode ter uma resposta simples, como vimos anteriormente: “Vejo porque estou de olho aberto, por que se estivesse de olhos fechados, não veria nada.”. Ou pode ter uma resposta mais elaborada e técnica. A nossa intenção é ficar no meio termo, de forma que possa ser entendido por pessoas iniciantes no segmento, mas suficiente para pessoas já experientes, ôôô… desafio bom!!!

A resposta fala em “olhos abertos”, mas os olhos não são os únicos responsáveis pela visão. A visão como um todo pode ser descrito como sendo um processo que atua em várias formas e partes (órgãos do corpo) para no conjunto proporcionar ao homem o milagre do ver.

O sistema visual, então, é composto por três partes: o olho (Globo Ocular), o nervo óptico e seu quiasma e o cérebro, quando todos estão trabalhando de forma adequada e correta podemos dizer que a pessoa possui visão normal.

Sistema visual: globo ocular, nervo óptico, quiasma óptico e cérebro

Clique aqui e leia mais sobre o sistema visual

Deixe seu comentário

NOTA: Você pode utilizar essas tags e atributos HTML.
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>